Cirurgia LASIK

Perguntas frequentes

Perguntas frequentes, Cirurgia LASIK

A maior parte dos pacientes que estão a pensar em se operarem do seu defeito refractivo (Miopia, astigmatismo, hipermetropia), e prescindirem finalmente dos seus óculos ou lentes de contacto, por vezes fazem-se muitas perguntas relativamente à operação com laser (LASIK).

Para tentar resolver as suas dúvidas acerca desta operação, temos feito este questionário com respostas, recopilado das perguntas que nos têm feito outros pacientes que, como você, queriam operar-se.

Em que consiste a técnica Lasik?

Na intervenção nom corre risco de mover o olho

Mediante o laser Excimer, que produz um tipo de energia muito precisa e inócua para os tecidos oculares, cambiamos a curvatura da córnea como se polirmos um vidro de óculos ou duma lente de contacto, corregindo assim o defeito do paciente.
Este câmbio de curvatura realiza-se no interior do tecido corneal e desta maneira a cicatrização, e por conseguinte a recuperação do paciente é muito mais rápida do que em outras técnicas.
Veja esquema LASIK

Sentiréi dor durante ou depois da operação?

A técnica LASIK não é dolorosa nem durante nem após a a intervenção. A maioria dos pacientes referem só uma sensação de pressão devida aos aparelhos com que imobilizamos o olho quando realizamos a cirurgia, e leve ardor nas horas a seguir à mesma.

O que acontece durante a intervenção? O que pode ocorrer se eu pestanejar ou mover o olho?

Durante a intervenção, o paciente está deitado numa cama especial com un repousa-cabeças, que reduz a possibilidade de se mover. Previamente têm-se instilado umas gotas de colirio anestésico, para reduzir as molestias, e antibiótico, para prevenir as infecções.
O cirurgião colocará um instrumento que vai manter o olho aberto durante a cirurgia, impedindo o pestanejar. A partir de agora começará a intervenção, cuja primeira parte consiste em levantar uma fina camada de tecido corneal e depois aplicar o laser no interior da córnea, cambiândo a sua curvatura segundo as dioptrias a corrigir. Durante esta fase, o cirurgião pedirá ao paciente focar a vista numa luz central para se assegurar a correcta actuação do laser. Se o paciente mover inadvertidamente o olho, os novos computadores disponiveis (eye tracking) são capazes de seguir os movimentos oculares e o laser se aplicar na região desejada automáticamente.
Finalmente, a camada de tecido corneal devido à sua natural aderência recoloca-se na sua posição inicial sem necessidade de pontos.

Quando é que eu posso começar a fazer vida normal depois da intervenção?

Faça desporto com protecção para os olhos







Faça desporto com protecção para os olhos

Depois da operação o paciente deve estar em casa a descansar umas 24 horas.
À manha seguinte, a melhoria é tão importante que muitos pacientes vêm o suficiente como para conduzir o carro e até trabalhar.
Dependendo do número de dioptrias corrigidas e o tipo de defeito a recuperação é mais ou menos rápida, mas geralmente a maioria dos pacientes podem reanudar seu trabalho e suas actividades às 48-72 horas da cirurgia.

Que tipo de precauções devo ter depois da operação?

O paciente utilizará colírios (antibióticos e anti-inflamatório) durante os 15 dias a seguir. É totalmente contraiindicado esfregar os olhos durante pelo menos um mês depois da intervenção, e evitar-se-a ao longo de seis meses.
As actividades desportivas podem-se praticar sempre que se utilizarem óculos protectores adequados.
Evitar-se -a o maquilhgem durante o mês após a intervenção.

Há riscos nesta técnica?

Como em qualquer técnica cirúrgica sempre há riscos, mas mínimos.
Considera-se que a técnica LASIK apresenta menos possibilidade de risco para o paciente do que a utilização de lentes de contacto.

Como actua o laser?

O laser emite uma energia programada por um computador ao que previamente se têm introduzido os dados do paciente. A sua actuação é tão precisa que o seu nível de segurança situa-se em 0.25 micras (Um cabelo humano tem 50 micras).

Podem-se operar os dois olhos ao mesmo tempo?

Normalmente operam-se ambos olhos na mesma sessão cirúrgica, a não ser que o paciente preferir esperar entre um e outro olho.
Recentes estudos têm demostrado que não há razões médicas para não o fazer desta maneira, e sim existem razões a favor, pois o paciente tem a vantagem de se recuperar de ambos olhos à vez e não repetir a fadiga duma nova intervenção.

Quanto dura a operação?

O paciente vai estar no quirófano uns 15 ou 20 minutos no máximo.
A própria operação dura segundos, e depende das dioptrias. O resto do tempo utiliza-se em preparar o olho para a aplicação do laser.

Terei necessidade de utilizar óculos depois da operação?

A maioria dos pacientes podem realizar as actividades normais sem necessidade de utilizar óculos. De facto, muitos pacientes vêm melhor depois da operação sem óculos do que antes com eles.
A melhora na qualidade de vida, segundo as testemunhas das pessoas operadas,é extraordinária.

Quanto tempo há que se pratica esta técnica?

A técnica LASIK começou praticar-se no ano 1991, mas está baseada na queratomileusis que se começou a realizar há mais de 50 anos. Devido a esta larga experiência sabemos que o LASIK é um procedimento muito seguro aperfeiçoado com a precisão do laser.

A partir de que idade se pode realizar a operação?

A partir dos 20 anos, mas se for necessario por motivos profissionais (Pilotos, policias, bombeiros, etc.) pode-se fazer de mais jovem.

Sou utente de lentes de contacto. O que devo fazer antes de ir à consulta?

O óptimo é deixar de utilizar as lentes de contacto uma semana antes de ir à consulta se forem moles, e um mes se forem semi-rígidas ou rígidas. Se não for possivel, pelo menos não as utilizar durante o fim de semana prévio à consulta. Depois, dependente do estado da córnea, recomendar-se-lhe-a deijar de utiliza-las ou não, por mais tempo.

Afecta o laser o interior do olho?

Não, o laser actua na parte externa do olho, e não entra no interior. o tratamento com laser não modificará a actuação do cirurgião se no futuro o paciente necessitar qualquer outra cirurgia ocular.

Quem não é um candidato para esta técnica?

Os pacientes que apresentarem doenças do colágeno (lupus, artrite reumatóide, queratocono, herpes corneal, SIDA, ou doenças auto-imunes, não serão candidatos para esta cirurgía.

Estou interessado em me operar. O que devo fazer agora?

Ligar-se para a nossa consulta +(34) 91.159.31.81, y concertar uma entrevista com a Clínica Iradier para um exame pre-operatório, e assim saber se você é um candidato à cirurgia. Também pode solicitar consulta por meio da nossa pagina web. Para qualquer aclaração adicional, é favor ligar-se nesse mesmo telefone.